Assine aqui para receber
nosso Informe institucional

Notícias

DISTRITAIS

20/07/2019 - Araçatuba e Região integram a 9ª Distrital

“DURANTE UM TEMPO nós tivemos um pouco de dificuldade na integração dos médicos associados, mas após a reforma na Casa do Médico em Araçatuba, sinto que o interesse em participar voltou a florescer e isso me deixa esperançosa para os projetos futuros”, elucida Margarete Assis Lemos, diretora da 9a Distrital da Associação Paulista de Medicina.

Além de Araçatuba, a divisão administrativa também integra as Regionais de Andradina, Birigui e Penápolis. “O único meio de manter contato entre as APMs e fazer com que elas funcionem como um grupo é com as reuniões que realizamos frequentemente. Por isso que a presença e a disposição dos representantes de cada entidade são tão importantes”, define. 

Para Margarete, um dos principais desafios em ser diretora de uma Distrital é justamente o fortalecimento do diálogo entre os presidentes de cada cidade. Da mesma forma, é importante manter o associativismo cada vez mais vivo: “É fundamental você mostrar para um acadêmico de Medicina, desde o começo, o valor e a necessidade de ser um associado”, explica.

Pensando nos projetos futuros, a diretora da 9a Distrital da APM evidencia que os investimentos em cursos de educação continuada chamam a atenção dos médicos. “Você tem que ir atrás daquilo que atrai, como cursos e palestras. Hoje está tudo muito diferente, por isso é preciso investir, transformar e se adaptar”, descreve.

REGIONAIS 

Andradina, presidida por Thiago Henrique Barbosa Oliveira, também abrange os associados de Castilho, Mirandópolis, Murtinga do Sul, Guaraçaí, Itapura e Nova Independência. Araçatuba, que congrega a maior quantidade de associados da Distrital, tem como presidente Paulo Gil Katsuda e ainda representa os médicos de Auriflama, Bento de Abreu, Bilac, Braúna, Guararapes, Guzolândia, Lavínia, Rubiácea, Turiúba e Valparaíso.

Já a Regional de Birigui é presidida por Cleudson Garcia Montali e abrange Buritama, Gabriel Monteiro e Glicério. Por fim, Penápolis tem Lucas de Oliveira Quessada como presidente e também engloba os profissionais de Alto Alegre, Barbosa, Clementina, Luiziânia, Piacatu e Santópolis do Aguapeí.

Matéria publicada na Revista da APM - edição 712 - julho/agosto 2019