Assine aqui para receber
nosso Informe institucional

Notícias

DESTAQUE

07/06/2017 - APM participa de assinatura de novas iniciativas ambientais na capital

Em celebração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, no dia 5 de junho, o prefeito João Doria assinou dois termos que priorizam novas iniciativas de preservação no município de São Paulo. Representando a Associação Paulista de Medicina, a presidente da Associação Brasileira de Mulheres Médicas (ABMM) – seção São Paulo, Ivone Meinão, prestigiou o evento.

Ao lado do secretário do Verde e do Meio Ambiente, Gilberto Natalini, Doria assinou um decreto que cria a Comissão Municipal para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), com a finalidade de colocar em prática 17 pontos elaborados pela Organização das Nações Unidas (ONU), que compõem a Agenda 2030.  Cabe à comissão difundir e dar transparência a esse processo de implementação.

“A inalação de metais pesados existentes nas partículas de gases tóxicos poluentes causam diversas doenças respiratórias. As doenças de Parkinson e Alzheimer também podem ter alguma relação com esses contaminantes. A assinatura deste decreto é importante porque reforça a relevância da preservação da qualidade de vida”, destaca Ivone Meinão.

São os 17 objetivos:  erradicação da pobreza; fome zero e agricultura sustentável; saúde e bem-estar; educação de qualidade; igualdade de gênero; água potável e saneamento; energia limpa e acessível; trabalho decente e crescimento econômico; indústria, inovação e infraestrutura; redução das desigualdades; cidades e comunidades sustentáveis; consumo e redução responsáveis; ação contra a mudança global do clima; vida na água; vida terrestre; paz, justiça e instituições eficazes; e parcerias e meios de implementação.

 

Linhas Verdes

 

Na ocasião, também foi assinado um “Autorizo” do governo municipal para que a Secretaria do Verde e do Meio Ambiente e a AES Eletropaulo firmem uma parceria para o Projeto Linhas Verdes. A ideia é arborizar as faixas de linhas de transmissão de energia elétrica, com os recursos oriundos da própria Eletropaulo.

 

Participaram da reunião de assinaturas a representante da ONU/Organização Pan-Americana da Saúde (OPAN) e Organização Mundial da Saúde (OMS), Maria Angélica Gomes; e o diretor presidente da AES Eletropaulo, Charles Lenzi.