ÚLTIMAS NOTÍCIAS

02/09/2019 - APM sedia evento de aquecimento para o Global Summit Telemedicine & Digital Health 2020

Em formato de prévia do Global Summit Telemedicine e Digital Health, evento que acontece de 2 a 5 de junho de 2020 em São Paulo, a Associação Paulista de Medicina e o Transamerica Expo Center organizaram o Warm Up São Paulo na última sexta-feira, 30 de agosto. Com o tema central “Telemedicina: a visão e a experiência de médicos brasileiros”, contou com a participação de especialistas que dialogaram e esclareceram dúvidas do público presente e virtual. Cerca de 200 pessoas participaram do encontro na sede da APM.

O presidente da Associação, José Luiz Gomes do Amaral, em abertura dos trabalhos, reforçou a necessidade de ampliar o debate com a sociedade a respeito da Saúde Digital e da Telemedicina. “Conseguimos encontrar, produzir substitutos ou auxiliares para nos fazer pensar. Agora, produzimos máquinas que ampliam a nossa capacidade de interpretar o nosso ambiente, abrindo outra porta para o futuro, que estamos discutindo aqui hoje. É um debate que não se faz com absoluta tranquilidade, mas é excitante.”

Segundo Amaral, a tecnologia possibilita estreitar a relação entre médicos e outros profissionais da Saúde e da Tecnologia, mesmo com as críticas e os mal-entendidos. “Por que isso é interessante? Durante todos os anos de faculdade, nosso entusiasmo é discutir ou trocar ideias sobre os casos recorrentes nos corredores da enfermaria. Ao terminarmos o curso, muitas vezes nos vimos sozinhos. Hoje, acredito que a interação entre especialistas seja maior em razão dos recursos tecnológicos, que possibilitam contar com a opinião de quem, onde e quantas vezes quiser”, complementa.

O presidente do Conselho Curador do Global Summit Telemedicine & Digital Health, Jefferson Fernandes, aproveitou a ocasião para falar do primeiro evento, realizado em abril deste ano, que contou com a exposição de mais de 80 painéis, com trocas de experiências e expectativas nacionais e internacionais.

“Para 2020, o nosso propósito é manter o encantamento com a participação de especialistas renomados e dar sequência ao ecossistema de Saúde Digital e Telemedicina, com o envolvimento da indústria, das empresas de hardware e software, da Academia, das sociedades de especialidades e de profissionais de Saúde, além do protagonismo constante da APM de mostrar e trazer os médicos para essa visão tecnológica que complementa o nosso cuidado presencial”, acrescenta.

Ele reforça que o ponto-chave da discussão é usar os recursos tecnológicos em benefício das pessoas, das comunidades e dos sistemas de saúde. “Porque as evidências que se acumularam nos países, e também no Brasil, - há mais de 20 anos - mostram que a Telemedicina aumenta o acesso aos sistemas de saúde, a resolubilidade dos problemas e a redução de custos, se usada de forma ética e segura. Por isso, o nosso objetivo é ampliar esse conhecimento. As resistências são oriundas de desconhecimento”, conclui.

Antonio Carlos Endrigo, diretor de Tecnologia da Informação da APM e presidente do Comitê Organizador do Global Summit Telemedicine & Digital Health, também foi um dos moderadores do evento, que teve exposições de Caio Soares (diretor médico e general manager da Teladoc), Chao Lung Wen (professor da Faculdade de Medicina da USP), Eduardo Cordioli (gerente médico de Telemedicina do Hospital Albert Einstein), José Luciano (diretor executivo do Siate), Gustavo Kuster (CEO e Fundador/Neomed) e Rogério Rabelo (diretor da holding Dal Ben Home Care & Senior Care da Clínica Althea).

Nos próximos dias, você acompanha a cobertura completa nos nossos canais de comunicação.

Fotos: BBustos Fotografia

Galeria de Imagem