Últimas notícias

13/02/2020 - Brasil já teve mais de 100 notificações de Coronavírus, mas sem confirmações

O Ministério da Saúde divulgou, no último dia 10 de fevereiro, um novo boletim epidemiológico acerca da infecção pelo novo coronavírus, nomeado pela Organização Mundial de Saúde como Covid-19 – um acrônimo do termo em inglês “CoronaVirus Deceased 2019”. Os dados mostram que, no Brasil, de 107 notificações, apenas oito continuam como suspeitas: três em São Paulo, duas no Rio Grande do Sul, e uma em Minas Gerais, no Rio de Janeiro e em Santa Catarina.

O número de notificações recebidas pela Secretaria de Vigilância em Saúde corresponde ao período de 18 de janeiro a 7 de fevereiro. Segundo a pasta, todas foram recebidas, avaliadas e discutidas, caso a caso, com as autoridades de Saúde dos estados e municípios. Trinta e quatro notificações atenderam à definição de caso suspeito e 73 foram excluídas por não atenderem à definição, embora ainda estejam sendo monitoradas conforme protocolo da vigilância da Influenza.

Dos 34 que atenderam à definição de caso suspeito, 18 (53%) são do sexo masculino e 16 (47%) do sexo feminino. A mediana de idade foi de 28,5 anos, variando de 0 a 64 anos. Desses, três (9%) referiram a presença de comorbidades, sendo dois com hipertensão e um com doença renal. Quanto aos sinais e sintomas relatados, 34 (100%) apresentaram febre, 31 (91%) tosse, 22 coriza (65%), 13 (38%) dor de garganta, oito (24%) fraqueza e três (9%) dificuldade de respirar.

Com relação ao histórico de viagem, 32 casos referem ter ido à China, sendo que destes, três visitaram Wuhan. Dois casos não viajaram para a China, mas tiveram contato com casos suspeitos. Entre os 34, 26 foram descartados e oito permanecem em investigação, aguardando resultado laboratorial.

O documento também relembra que, em 30 de janeiro, a OMS declarou a disseminação do Covid-19 uma Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional (ESPII). A ação foi acompanhada pelo Ministério da Saúde que, em 3 de fevereiro, declarou a situação como Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN).

Segundo o boletim da OMS, de 12 de fevereiro, já foram confirmados 45.171 casos em todo o mundo. Destes, 44.730 são na China, 8.204 deles são graves e houve 1.114 mortes. Fora da China, 441 casos foram confirmados, em 24 países diferentes, com uma morte (nas Filipinas).

Pouco após a divulgação da Organização, o governo japonês confirmou a primeira morte em seu território por Covid-19, que vitimou uma mulher de 80 anos na região metropolitana de Tóquio.

Notícias relacionadas:
24/01/2020 - Coronavírus: como se portar diante de nova ameaça?